Regulamento Brevets (BRM) e Desafios – Audax Randonneurs São Paulo

(Regulamento OFICIAL válido para as provas organizadas pelo AUDAX RANDONNEURS SÃO PAULO)

Artigo 1: Os BREVETS organizados pelo Audax Randonneurs São Paulo seguem o REGULAMENTO dos BREVETS RANDONNEURS MUNDIAIS (BRMs) do Club Audax Parisien e do RANDONNEURS BRASIL, sendo este último a entidade máxima da modalidade no Brasil, no papel do Representante ACP no Brasil. Devido a características específicas do Brasil, o Audax Randonneurs São Paulo complementa alguns itens deste regulamento de forma a atender estas características específicas, detalhados nos artigos subseqüentes.

Artigo 2: Com referência aos artigos 2, 3 e 4 do regulamento ACP; Para requerer a inscrição nos eventos organizados pelo Audax Randonneurs São Paulo, o randonneur deve:

1 – preencher e enviar à organização a ficha de inscrição dentro do prazo estipulado para cada evento;
2 – pagar a taxa de inscrição dentro do prazo estipulado para cada evento;
3 – Entregar à organização, no dia do evento durante a vistoria, termo de responsabilidade preenchido e assinado, concordando com todos os itens ali descritos;
4 – todo evento organizado pelo Audax Randonneurs São Paulo é coberto por apólice coletiva de seguro, sendo seus valores já incluídos na taxa de inscrição. Caso a organização não disponibilize o seguro coletivo, valerá o estipulado no regulamento ACP, mediante informação prévia por parte da organização;
5 – (revisado em 04/09/13) a partir do calendário 2014 não será mais exigida no Brasil a obrigatoriedade de sequencia na realização dos BRMs de acordo com as distâncias (200–> 300–> 400–> 600), sendo facultada a cada clube organizador a não obrigatoriedade da sequência. Para o caso especifico do Audax Randonneurs São Paulo, caso o randonneur opte pela não realização na sequência de acordo com as distâncias, o mesmo deverá comprovar a conclusão com sucesso, no mínimo, do brevet de distância imediatamente inferior no calendário imediatamente anterior, com exceção aos BRMs 1000. Para os BRMs 1000, será exigida a realização, com sucesso, da série completa (200, 300, 400 e 600) no calendário de realização do brevet 1000 ou no calendário imediatamente anterior.

Observação 1: A obtenção do titulo de Super Randonneur permanece vinculado a obrigatoriedade da realização da série completa em um mesmo calendário, mesmo que o randonneur opte pela realização da série completa fora da ordem.
(exemplo: 300–> 200–> 600–> 400).

Observação 2: Para a série utilizada no exemplo acima, vale ressaltar a necessidade do randonneur já ter concluído com sucesso, no mínimo, os brevets 200 e 400 do calendário imediatamente anterior (o 200 para estar habilitado da antecipação do 300; o 400 para a habilitação da antecipação do 600). Caso a opção fosse o início pelo brevet 400, haveria a necessidade da conclusão do brevet 300 do calendário imediatamente anterior, e assim sucessivamente.

Artigo 3: Com referência ao artigo 6 do regulamento ACP; É obrigatória a utilização dos seguintes itens/equipamentos de segurança em qualquer evento organizado pelo Audax Randonneurs São Paulo, independente das distâncias e horários de realização:

1 – capacete;
2 – colete refletivo;
3 – iluminação frontal (branca/amarela);
4 – iluminação traseira (vermelha)

Para o caso da iluminação dianteira, há a obrigatoriedade da mesma ter a coloração “branca” ou “amarela”, devendo a mesma atender às necessidades do randonneur de “ver” e “ser visto”. Caso esta organização julgue que o modelo utilizado não possua potência suficiente para atender a este requisito, o randonneur poderá ser impedido de largar ou desclassificado durante o percurso.

Para o caso da iluminação traseira, há a obrigatoriedade da mesma ter a coloração “vermelha”, devendo a mesma atender à necessidade do randonneur de “ser visto”. Caso esta organização julgue que o modelo utilizado não possua potência suficiente para atender a este requisito, o randonneur poderá ser impedido de largar ou desclassificado durante o percurso.

(atualizado em 18/06/14) – Posicionamento e modos de operação: A iluminação traseira deverá obrigatoriamente estar posicionada de forma a ser vista por todos os ângulos e alturas, de forma a não ficar obstruída por qualquer objeto (bolsas de selim, bagageiros, alforges, bagagens etc). Para os casos da utilização de bolsas de selim, alforges ou bagageiros, obrigatoriamente a iluminação principal deverá estar fixada à estes equipamentos.

É obrigatória a utilização de no mínimo 2 (duas) lanternas traseiras, sendo que uma delas deverá estar instalada no seatstay ou no chainstay. Caso a utilização de bagageiros ou alforges impeçam a instalação da iluminação neste ponto, a mesma deverá ser instalada em outro ponto igualmente visível. Um dos pontos de iluminação deverá obrigatoriamente operar no modo “fixo”. As imagens abaixo exemplificam as situações citadas neste item:

20140617_183020[1]20140617_182930[1]

20140617_184402[1]

20140617_185652[1]

 

(inserido em 18/06/14) – Não é permitida, EM HIPÓTESE ALGUMA, a utilização de quaisquer outras cores de iluminação além das citadas neste regulamento, a saber; branca e amarela para iluminações dianteiras e vermelha para iluminação traseira. O não atendimento a este item acarretara na desclassificação imediata do randonneur.

Artigo 4: Com referência ao artigo 7 do regulamento ACP; Não há a responsabilidade por parte da organização em resgatar no percurso ciclistas que, por qualquer que seja o motivo, tenham abandonado o brevet/desafio. Este resgate poderá ser realizado pela organização, dependendo da disponibilidade e itinerário dos veículos, não cabendo a esta e seus voluntários a responsabilidade por qualquer dano que possa vir a ser causado ao equipamento durante o transporte, independente do motivo. Qualquer tipo de apoio externo durante o percurso entre os postos de controle é proibido. O apoio externo ao randonneur só poderá ser realizado em 2 situações:

1 – Apoio dado pela própria organização;
2 – Apoio dado nos postos de controle por veículo previamente registrado junto à organização do brevet.

A indicação de carros de apoio deve ser mencionada em espaço reservado na ficha de inscrição (modelo do veículo/placa do veículo/nome completo do motorista e demais participantes da equipe). O carro de apoio deve se deslocar entre os PCs rapidamente, sendo expressamente proibida sua parada no acostamento ao longo do percurso, ou qualquer outro local entre os PCs, o que caracterizará ajuda externa e consequente desclassificação do ciclista que está sendo acompanhado por este veículo.

Artigo 5: Com referência aos artigos 12 e 13 do regulamento ACP; A solicitação das medalhas ACP, importadas da França, deverão ser solicitadas e pagas à organização no momento da inscrição, sendo seu valor de R$ 25,00 (vinte e cinco reais) já embutidos os custos de envio. O envio das medalhas ao randonneur se dará no final de cada calendário (por volta do mês de novembro de cada ano). Em nenhuma hipótese serão aceitas solicitações/pagamentos destas medalhas em qualquer outro momento. Será concedido certificado e medalha Audax Randonneurs São Paulo a todo randonneur que concluir o brevet/desafio com êxito (dentro dos tempos estipulados), sendo seus custos já embutidos ao valor da inscrição.

Artigo 6: Da vistoria, planilha de rota, passaporte e identificação; Para a realização da vistoria, o randonneur deve apresentar-se a organização trajando os equipamentos de segurança (coleterefletivo / capacete) e também com os demais equipamentos,  já fixados na bicicleta e em modo “ligado”  (iluminação frontal branca ou amarela / iluminação traseira vermelha). O não atendimento a este parágrafo impede a realização da vistoria. Neste momento deverá ser entregue a organização o termo de responsabilidade, preenchido e com as devidas assinaturas. Ainda na vistoria, o randonneur receberá a planilha de rota contendo todos os principais pontos do trajeto e passaporte conforme artigo 8 do regulamento ACP. Também será entregue ao randonneur uma pulseira para identificação dos inscritos nos PCs. É responsabilidade do randonneur a apresentação do passaporte junto à organização para as devidas anotações/assinaturas nos postos de controle e chegada, bem como a guarda do mesmo. A falta de qualquer anotação de passagens em postos de controle, seu extravio ou perda resultará na não homologação do brevet.

Artigo 7: Da homologação; O Audax Randonneurs São Paulo submeterá a planilha com tempos ao representante ACP no Brasil até uma semana após o termino do evento, que por sua vez enviará a planilha ao ACP para a devida homologação. Assim que recebida a planilha com os número de homologação, a mesma será divulgada em nosso site http://www.audaxsp.com. A consulta também poderá ser realizada através do site do Randonneurs Brasil, http://www.randonneursbrasil.com.br/homologacoes.

Artigo 8: (incluído em 21/08/13) Com referencia ao artigo 10 do regulamento ACP; os prazos para concluir cada brevet são em função da distância:

13h30 (200km);
20h (300km);
27h (400km);
40h (600km);
75h (1000km)

Para os casos onde a distância total do trajeto proposto supere as distâncias exatas de cada brevet (200, 300, 400, 600 e 1000), os prazos para a conclusão de cada brevet permanecerão inalterados (13h30, 20h, 27h, 40h e 75h), sendo o brevet homologado somente com a chegada do randonneur no ponto de distância final indicado nas planilhas de rota (chegada).

Artigo 9: (incluído em 01/04/14) A partir desta data não são mais aceitas inscrições de randonneurs que não possuam 18 anos completos até a data de realização do brevet / desafio.

Anúncios

55 respostas em “Regulamento Brevets (BRM) e Desafios – Audax Randonneurs São Paulo

    • Guilherme, eu uso uma bike de triathlon com clip e o pelotão só acontece no início do evento. Depois se dispersa e você pedala sozinho por 95% do tempo (no meu caso foi assim). Quando nos primeiros quilômetros, cuidado pois andar no clip (posição aero) é realmente muito perigoso em grupo. Melhor andar com as mãos nos manetes e quando o pelotão se dispersar, você vai pro clip. Estarei denovo no próximo desafio 200km em Boituva. Inscreva-se também e boa prova! Fiz até um vídeo durante o percurso http://www.youtube.com/watch?v=BO_-QR6A60A dá uma olhada lá para você ter uma idéia de tempo, velocidade e o que levar. Abraço!

  1. Boa tarde, gostaria de saber se a luz de sinalização traseira (vermelha) tem a necessidade de fixa-la na bike, ou se pode ser colocada na camisa ?

  2. Nunca participei deste maravilhoso evento. Gostaria de saber em até que tempo precisa ser cumprida a prova de 200, e além desses itens obrigatórios o que mais pode ser levado junto com o cilclista. Até que idade podemos participar. Quem nunca participou por favor acrescente algo mais.

    • Olá Vilma, os 200km devem ser completados em 13h30min, e o ciclista deve ser autossuficiente, portanto deve carregar tudo que achar necessário para tal, lembrando que nõa poderá ter apoio durante o percurso. Não existe limite de idade, apenas menores de 18 anos que precisam da autorização dos pais. Em nosso site estão todos os regulamentos para maiores informações, e também tem uma seção de DICAS que recomendamos a leitura. Audax RAndonneurs São PAulo

  3. Olá, é a minha primeira vez nesse evento e gostaria de saber se existe sinalização nos acesso aos POs? Grato. Douglas Cordeiro

    • Marcello, pode sim, na modalidade podem ser usados quaisquer veículos a propulsão humana, claro a bicicleta é a mais utilizada. Já tivemos um que usou patinete no PBP, 1200 de patinete, ai sim tem que ser maluco!!. Abraço. Rogério

  4. Olá, a pouco tempo que descobri a existência da Audax em SP e é exatamente o tipo de prova que estava procurando, mas não me sinto seguro de me lançar em 200km logo de cara, vi que vocês também realizam provas menores, como funcionam estas provas, não encontrei no site, eu preciso ter passado por algum Brevet antes para poder participar, posso me inscrever sem ter Brevet?

  5. Era minha intenção terminar o brevet 200 de Holambra deste calendário de 2014, não foi possível, vou tentar fechar o de Mogi em Janeiro, mas vi que no regulamento deste ano, não é mais exigida a sequência de brevets no mesmo calendário, como tenho 2 brevets 200 no calendário 2013, 376701 16/03, 384629 28/04 Floripa, gostaria de me inscrever no brevet 300 em boituva e não no 200, gostaria de confirmar se vai ser mesmo possivel, obrigado e grande abraço a todos

    • Claudio, não precisa fazer na ordem, mas para se inscrever em uma distância de 300 precisa ter feito o 200 no ano anterior, precisa ter o 200 e 300 no ano anterior para fazer direto os 400km, e assim por diante. Então você pode se inscrever no 300 de Boituva.

      • Blz nos vemos no 300 então, quem sabe este ano eu fecho em Queluz o 200, já que a altimetria de Mogi é mais agressiva, eu detesto subidas e amo as descidas, vou ver se arrumo tempo pra treinar, este é sem dúvida meu maior problema, trabalhar de 10 a 12 hs por dia, de segunda a sábado, só sobra o domingo pra treino longo. um forte abraço a todos!!

  6. Parabéns pelas alterações referente ao requisito na sequência das provas e podermos utilizar provas validadas no ano anterior.
    Isto cria uma facilidade e abre vagas para as provas de distâncias menores

  7. Pingback: BREVET 200 / DESAFIO 135 – Holambra – 13/12/14 – Abertura das inscrições e informações gerais | Audax Randonneurs São Paulo

  8. Pingback: BREVET 200 / DESAFIO 90 – Queluz – 21/02/15 – Abertura das inscrições e informações gerais | Audax Randonneurs São Paulo

  9. Pingback: BREVET 300 / DESAFIO 135 – Holambra – 21/03/15 – Abertura das inscrições e informações gerais | Audax Randonneurs São Paulo

  10. Olá! sou Nilma Machado, nunca estive no audax mas tenho muita curiosidade!
    Gostaria de saber se é possivel alterar o nome de alguem ja inscrito na prova!
    pois tenho uma amiga que iria nos 300km de holambra neste fds, mas por motivos de saude, vai desistir! se for possivel, gostaria de ir no lugar dela, na distancia de 135K
    aguardo reposta! e desde ja, obrigada!

  11. Olá. Tenho uma dúvida referente a apoio. Eu só posso me alimentar nos pc´s e com os alimentos que conseguir levar comigo, ou posso comprar alguma coisa durante o trajeto em algum estabelecimento? Obrigado

    • Rafael, você pode parar em qualquer lugar para comprar alimentos, arrumar a bike, etc, só não pode sair do percurso, e se sair por alguma emergência deve voltar ao mesmo ponto e continuar no percurso. Ajuda externa é se alguém levar comida para você no percurso em local fora dos PCs, a ajuda de carro de apoio só é permitida nos PCs.
      Não é só comida, não pode receber apoio mecânico, roupas, etc em nenhum lugar fora dos PCs. Somente os organizadores podem dar apoio de emergência aos ciclistas pelo percurso. Abraço. Rogério

  12. Pingback: BREVET 400 / DESAFIO 150 / DESAFIO 195 – Boituva – 25/04/15 – Abertura de inscrições e informações gerais | Audax Randonneurs São Paulo

  13. Olá, uma dúvida, a regra dos Brevets também vale para os desafios? para o desafio 150 de boituva é necessário ter participado dos desafios 90 > 100 > 135 anteriores?

  14. Olá
    gostaria de saber se poderia fazer a prova com uma tandem e quais seriam as próximas provas abertas com km inferior a 150.
    Obrigado
    Fujita

  15. Pingback: BREVET 200 e DESAFIO 110 – Brotas – 25/07/15 – Abertura de inscrições e informações gerais | Audax Randonneurs São Paulo

  16. Eu meus amigos estamos pensando em participar com camisas personalizadas com nome de nossa equipe, isso nso significa que correremos em pelotão pois cada um tem seu ritmo próprio e somos amadores. É autorizado participarmos com camisas iguais?

  17. Pingback: Vistoria e Informações Gerais – Brevet das Bandeiras – BRM 1000 – Holambra – 2015 | Brevet das Bandeiras – BRM 1000

  18. olá, consigo cadastrar meu e-mail em algum campo para poder receber datas, locais, horários, valores e novidades?

  19. Boa tarde! as inscrições do Brevet 200 já estão esgotadas, seria possível fazer a inscrição para os 300 sem ter feito os 200? Vamos fazer em 3 amigos. Fico no aguardo, obrigado pela atenção, Cristiano

    • Cristiano, peço que aguarde ate quinta feira, pois dependendo reabriremos as inscrições do 200. Podemos passar algumas vagas dos 300 para oa 200 conforme procura. Para quem nunca fez os 200 não pode ir direto aos 300. Rogerio

  20. Desculpe a ignorância, mas ainda não entendi. Para eu fazer o brm super 1000, eu tenho que ter feito o 200, 300, 400, 600 no mesmo ano que eu farei os 1000 ?
    Ou ex: eu posso fazer os 200 em 2010, o 300 em 2011, o 400 em 2012, o 600 em 2013, e os 1000 em 2014 ??

    Outra dúvida, como que eu posso fazer as séries fora de ordem se para eu fazer o 300 por exemplo eu já tenho que ter o 200 ? e assim por diante para eu fazer o 600 eu tenho q ter o 400, e o 300, e o 200 ?????

    • Correa, respondendo as perguntas:
      1- Para fazer o brevet 1000 deve ter feito os 200, 300, 400 e 600 no mesmo ano/calendário, ou no ano anterior, lembrando que para 2016 o ano/calendário vai de nov/15 a out/16.
      2- Em nosso clube exigimos a sequência na ordem 200, 300, 400 e 600 para os novatos. Quem já fez um 200 ano passado poderia fazer direto os 300, quem fez um 300 poderia fazer direto os 400, e o mesmo com 600. Alguns clubes pelo Brasil não exigem a sequência, é uma deliberação de cada clube.

  21. Gostaria de saber, qual o horário de partida pela manhã em Holambra, tendo em visa que nessa época do ano não temos mais o horário de verão. Grato.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s